08/04/2015

UFPA oferece mais de 103 cursos de pós-graduação

Quem pretende dar prosseguimento às atividades acadêmicas ao sair da universidade, deve ficar atento às ofertas do mercado. Atualmente, a Universidade Federal do Pará (UFPA) mantém 73 programas de pós-graduação, em 103 cursos, nos quais 34 são de doutorados e 69 em mestrados acadêmicos e profissionais. As vagas atendem em média 5 mil estudantes, em todas as áreas de pesquisa. Porém, conhecer as demandas dos grupos é fundamental para agarrar as oportunidades.

Com a oferta de aproximadamente 2,5 mil docentes, destes, 1,4 mil doutores, a UFPA é reconhecida mundialmente pelos seus cursos de pós-graduação.

O sonho pode ser conquistado por qualquer pessoa graduada. "O processo de ingresso é comum a todos, até estrangeiros, como temos", disse o professor Emmanuel Tourinho, pró-reitor de Pesquisa e Pós Graduação da UFPA.

Anualmente, as ofertas são oferecidas por editais, que não tem período do ano específico para serem publicados, pois depende das demandas de cada curso, assim como as provas.

"Quem estiver interessado em ingressar em um curso de pós-graduação, deve primeiramente buscar conhecer os grupos de pesquisa. É importante saber como funciona este universo. Em nosso site, fornecemos as atividades de cada grupo, os orientadores e os seus contatos. Muitas vezes, é mais interessante fazer parte do cotidiano destes grupos, do que necessariamente fazer uma especialização, que não é uma exigência. Além disso, é bom buscar as produções cientificas, para saber como são feitas", diz Tourinho.

Primeiramente, a pessoa deve ingressar no mestrado. Uma vez com o título, ela concorre a uma vaga para o doutorado, onde há também um fluxo contínuo de entrada de pesquisadores como estudantes, a fim de não perder profissionais interessados na carreira acadêmica, para isso é preciso entrar em contato com os pesquisadores de cada programa.

"O aluno deve solicitar o ingresso de doutorado através do seu projeto, que é analisado por um grupo de avaliadores externos", explicou.

BOLSAS

Quem também quiser seguir na carreira acadêmica, existem bolsas de estudos para manter o aluno em dedicação exclusiva à pesquisa.

"As agências fomentadoras da pós oferecem cotas. No mestrado, as bolsas são de R$1.500, e no doutorado, R$2.200. A regra é dedicação exclusiva, porém existem poucas exceções, como ser professor substituto nas universidades federais, e ser professores em educação básica, com salários menores que o da bolsa", informou o pró-reitor.

A exigência de falar outro idioma para o ingresso na pós é inerente e cada programa. "É definido em cada edital. Tem cursos que pedem a proveniência de outra língua antes de entrar, e outros ao longo do curso", disse. A UFPA também oferece vagas para os cursos on-line para alunos da pós- graduação.

Os cursos de doutorados têm uma duração média de quatro anos, com as ofertas anuais de aproximadamente 375 vagas. Há, no momento, duas propostas de novos cursos de doutorado em trâmite, ou seja, propostas de criação de mais dois novos cursos de doutorado na UFPA que estão sendo analisadas pela Capes/Mec.

Fonte: Diário do Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós. Após comentar divulgue o blog do Clube de Administração para seus amigos.