16/05/2016

ARTIGO: Avaliando a eficácia gerencial

Este artigo define a eficácia gerencial e organizacional e identifica os principais grupos de uma organização e os critérios que utilizam para avaliar a eficácia de um gerente.

O desempenho de um gerente pode ser avaliado em função da eficiência e eficácia.

A partir da relação entre insumos e produtos, a eficiência pode ser aumentada de duas maneiras: obtendo mais produção de um determinado insumo ou obtendo a mesma produção com menos insumos.

Os gerentes também se dedicam a concluir atividades, ou obter eficácia. Gerentes eficazes alcançam as metas organizacionais de dois modos: "fazendo as coisas direito" (eficiência) pela minimização do custo dos recursos utilizados para alcançar as metas, e "fazendo a coisa certa" (eficácia) por meio da escolha e consecução das metas apropriadas.

Embora eficácia gerencial e eficácia organizacional sejam conceitos distintos, considerando que os gerentes operam em organizações, são conceitos intimamente relacionados.

Há Vários Públicos que uma Organização deve Atender. Grupos diferentes avaliam as organizações segundo critérios diferentes: funcionários, clientes, administração, conselhos de diretores, investidores, fornecedores, concorrentes, credores, mídia, órgãos governamentais e grupos de interesses especiais.

Como cada grupo possui programas de trabalho diferentes, seus critérios de eficácia também serão diferentes.


ARTICULISTA: e - Robson Paniago é Administrador Tecnológico & Social
Site: http://www.clubedosadministradores.adm.br        
e-mail: robson.paniago@fgv.br;robsonpaniago@hotmail.com

__________________________________________
Nota editorial: Os pensamentos e ideias acima expostos não necessariamente refletem nossa opinião e são de responsabilidade exclusiva do (s) Autor (es) do Artigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós. Após comentar divulgue o blog do Clube de Administração para seus amigos.