06/04/2017

Manaus está entre as dez cestas básicas mais baratas do País, aponta Dieese

Preço da cesta básica ficou R$ 3,51 mais barata em março (-0,93%), em relação ao mês anterior, ficando em R$ 371,93, segundo pesquisa divulgada hoje.

O preço da cesta básica de Manaus ficou R$ 3,51 mais barata em março (-0,93%), com relação ao mês anterior, ficando em R$ 371,93, segundo pesquisa mensal do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), divulgada nesta quinta-feira (7). O item que impulsionou o recuo no valor foi o feijão, que despencou 7,09%.  O resultado da queda colocou Manaus entre as dez cestas mais baratas do País, segundo o Dieese.

Ao todo, a pesquisa dos alimentos do Dieese possui 12 itens e é realizada nas 27 capitais brasileiras. Os produtos que tiveram queda, segundo a pesquisa, foram o açúcar (-3,38%), a banana (-2,81%), a farinha (-2,74%), o leite (-1,43%), o arroz (-1,17%) e o tomate (-0,82, %). Já o item com a maior alta, em março, foi o óleo de soja (6,24%), seguido do café (2,86%), da manteiga (1,66%), do pão (1,28%) e da carne (0,80%).

O preço da cesta básica de Manaus, composta por 12 produtos, teve variação de -0,93% em relação ao mês de fevereiro. No mês anterior o conjunto de itens alimentícios essenciais custava R$ 375,44. Já em relação ao mesmo mês do ano passado, quando a cesta básica custava R$ 381,52, março registrou queda de -2,51%.

De acordo com o Dieese, a cesta mais barata está na capital do Acre, Rio Branco (R$ 323,34), seguida por Salvador (R$ 349,66), Aracaju (R$ 351,81), Recife (R$ 356,21), Macapá (R$ 362,13), Natal (R$ 364,12), São Luís (R$ 364,28), Maceió (R$ 369,33), Boa Vista (R$ 371,49) e, por último, em 18º lugar no ranking está Manaus (371,93).

A alimentação da família manauara é mais cara que salário mínimo

A pesquisa do Dieese apontou que o custo da cesta básica para o sustento de uma família de quatro pessoas na capital amazonense, sendo dois adultos e duas crianças, foi de R$ 1.115,79 durante o mês de março deste ano. Superior ao salário mínimo fixado pelo governo federal em R$ 937,00, esse valor equivale a aproximadamente 1,19 vezes o salário bruto. No mês anterior, o custo da cesta básica para uma mesma família era menor e foi de R$ 1.126,32, 1,20 vezes o salário mínimo bruto.


Reprodução: Gisele Rodrigues no Diário do Amazonas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós. Após comentar divulgue o blog do Clube de Administração para seus amigos.